domingo, 29 de novembro de 2009

Simbiontes e os Amigos da menina do Mar










Li aqui que “… O projecto Simbiontes baseia-se na interacção e enriquecimento mútuo entre vários sectores da sociedade (cientistas, artistas, crianças, idosos, associações de doentes, etc.), que através de ateliers pedagógicos criam materiais originais visando a angariação de fundos para o desenvolvimento da ciência em Portugal. Nesta fase, para implementar o projecto, a Associação Viver a Ciência aliou-se à escola de arte Ar.Co e ao Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa. As crianças que se encontram em ambulatório neste hospital foram convidadas a participar em ateliers, que as levou numa viagem pelo mundo da arte e da ciência, a partir da história "A Menina do Mar", de Sophia de Mello Breyner Andresen. …”.

Creio que, o verdadeiro valor de uma construção artística dificilmente poderá ter correspondência monetária.
Uma obra, enquanto expressão artrítica compreende entrega pessoal, coragem, dedicação, trabalho, impossíveis de contabilizar.
Estas, são exemplo disso e muito mais.
Com referência ao livro da "A Menina do Mar", de Sophia de Mello Breyner Andresen, os desenhos são o espelho de sorrisos intemporais com uma dimensão que ultrapassa as nuvens e atravessa oceanos. Compreendem atitude, uma espécie de “desígnio”, em relação à realidade.
A exposição estará no Chiado Plaza, em Lisboa, até dia 24 de Dezembro de 2009, e o valor arrecadado irá financiar um projecto de investigação, na área do cancro.
O leilão ocorreu no passado dia 27 de Novembro, pautado por uma graciosa atitude e um entusiástico sorriso, caracterizado pela sobriedade de quem apresentou esta “causa”.
Aqui fica, uma espécie de estrondoso aplauso.

3 comentários:

contador antropomórfico disse...

Belo post por uma bela causa. Parabéns!

Sílvio Mendes disse...

Olá Ana,

muito obrigado pelo seu delicioso post. E não há melhor aplauso que a partilha de uma obra do Chico.

Um abraço.

Sílvio Mendes
(Associação Viver a Ciência)

Ana Vieira da Silva disse...

Muito agradecida pelo seu amável comentário.
Continuação de um bom trabalho.
Um Abraço
Ana Vieira da Silva